Risco

/

Arquitectura e
Desenho Urbano

Hotel Vila Galé Ópera

O Hotel Ópera situa-se em Alcântara, junto à Ponte 25 de Abril.
É um hotel de 4 estrelas com 246 quartos e 13 suites.
A presença da Ponte 25 de Abril fixou altimetrias, orientações e alinhamentos do projecto.
O hotel é constituído por dois corpos com sete pisos implantados sobre um embasamento com um piso que reconstrói a escala e os alinhamentos da Travessa do Conde da Ponte e delimita o jardim marginal à Avenida da Índia.
Os dois corpos formam um ângulo entre si, sendo um paralelo à ponte e o outro paralelo à Trav. do Conde da Ponte, permitindo vistas de rio a partir de todos os quartos. A solução adoptada assegura enfiamentos visuais entre o rio e a encosta e não interfere com o património edificado envolvente – Capela de Santo Amaro, Edifício da Orquestra Metropolitana de Lisboa e Palácio Burnay.
O desenho do hotel (implantação, forma, dimensão e materiais) toma como referência os pilares, maciços e tabuleiro da ponte e a imagem das estruturas industriais de Alcântara.
O projecto do Risco não inclui a arquitectura de interiores.

Local
Lisboa
Cliente
Sociedade de Empreendimentos Turísticos 
Vila Galé

Data
1999 – 2002

Arquitectura
Manuel Salgado e Carlos Cruz
Área de Construção
12.000 m2
Custo
6.050.000 €

Fotografias
Rui Morais de Sousa

Construído